Sequestro de Santo André: O país dos palpiteiros pós-jogo

Uma das coisas que mais me impressiona nesta história toda do “Sequestro de Santo André” é como, após o desfecho, o país se infestou de especialistas. Na TV, no boteco e no orkut, todo lugar está infestado de gente que sabe apontar exatamente os erros da polícia no caso e qual teria sido a solução ideal.

Mas é claro que todas essas pessoas tem formação em psicologia, para entender como o Lindemberg pensa e reage. Todas essas pessoas lidam todo dia com situações de risco, passaram por longo treinamento em resgate de reféns, tem um mapa detalhado do local, conhecem todos os detalhes do desenrolar dos fatos, e acima de tudo, dispõe de um dispositivo fantástico que qualquer polícia do mundo devia ter, que permite visualizar o futuro e saber qual dos rumos vai levar ao melhor desfecho.

Me parece que somos o país dos palpiteiros pós-jogo. Estamos sentados no confortável sofá de casa, assistindo na TV o jogo do nosso time favorito. Nosso time perdeu! “Técnico burro!” Ah, nós sabemos exatamente qual substituição ele devia ou não ter feito, e se fosse um de nós lá, nosso time teria ganhado. É ou não é?

Talvez faça sentido aplicarmos a mesma lógica no sequestro de Santo André. Talvez não seja tão absurdo assim tratar isso como mais um entretenimento televisivo que consumimos, é mais um jogo de futebol, e deste ponto de vista faz sentido ficar fazendo nossos palpites pós-jogo. Mesmo sem conhecimento de causa, sem saber detalhes do ocorrido, do campo, do time adversário. O que vemos na TV é suficiente. Técnico incompetente. Polícia incompetente. Tinha que ser no Brasil. Burros! Ah se fosse eu lá! Eu…

Continuar lendo

Anúncios
Etiquetado , , , , , , , , , , , , ,

Asus W7S and NVidia GPU 8400m overheating problem

Sintomas da primeira ocorrência da falha

First fail, in January 2008 (Primeira falha, em Janeiro de 2008)

I’ve told you that I don’t think the overheating issue on W7S was something to fear. Well, I need to say I was wrong. I’m sorry for those who believed me, but it really was not anything to fear until some things I’ve descovered this week.

Português: Falei que achava que vocês não precisavam se preocupar com a questão do superaquecimento do W7S. Bem, preciso dizer que eu estava errado. Desculpem-me os que acreditaram, mas até algumas descobertas minhas dessa semana, não havia mesmo nada a temer.  (Continuação da versão em português no final do texto)

Continuar lendo

Etiquetado , , , , , ,

Installing Ubuntu Hardy (8.04) LTS on W7S R

Português: Este é um tutorial em Inglês sobre a instalação do Linux Ubuntu Hardy 8.04 LTS no notebook Asus W7S, feito para o site Linux-on-laptops.

English: This is a tutorial for installing Ubuntu Hardy 8.04 LTS on Asus W7S notebook, written for linux-on-laptops website.

Continuar lendo

Derek’s hack to fix W7S flipped WebCam

I was going to use some of my vacation time to try to fix the vertical flip (upside down) bug in Chicony Electronics WebCam (04f2:b012) in W7S laptop, but decided to take a look on Google again if anyone has already found a fix for that… And I found it!!!

Derek Bruce wrote a small hack to uvcvideo that fixes this anoying bug at kernel module level. Is a very simple sollution, but works very well!!!

Just aply this patch to uvcvideo (content also avaliable at the end of this post). You can download latest uvcvideo from here, or checkout the latest svn version using the following command:

svn checkout svn://svn.berlios.de/linux-uvc/linux-uvc/trunk uvc-video

Important note: Default Makefile will put uvcvideo kernel module on the wrong path for Ubuntu, and you may need to change this line on Makefile:

INSTALL_MOD_DIR := kernel/ubuntu/media/usbvideo

to:

INSTALL_MOD_DIR := ubuntu/media/usbvideo

Download the patch file to the uvcvideo source folder, and aply it using the following command:

patch -i uvc-hack.patch

Compile and install the driver using make:

make
sudo make install

Just reload the kernel module:

modprobe -r uvcvideo
modprobe uvcvideo

And that’s all… your don’t need to flip the notebook anymore to talk with another people! 😉

Thanks a lot, Derek, for this nice patch!!!

Continuar lendo

Etiquetado , , , , , , , , , ,

O Cara da Informática

Recebi este texto por email, sem autoria identificada. Se alguém conhece o autor, me avise para que os devidos créditos sejam concedidos. Trata-se de algumas informações importantes sobre o conhecido “Cara da Informática”, que grande parte das pessoas parece que ainda não sabem.

1) O CARA DA INFORMÁTICA dorme. Pode parecer mentira, mas o CARA DA INFORMÁTICA precisa dormir como qualquer outra pessoa. Esqueça que ele tem celular e telefone em casa, ligue só para o escritório;

2) O CARA DA INFORMÁTICA come. Parece inacreditável, mas é verdade. O CARA DA INFORMÁTICA também precisa se alimentar e tem hora para isso;

3) O CARA DA INFORMÁTICA pode ter família. Essa é a mais incrível de todas: Mesmo sendo um CARA DA INFORMÁTICA, a pessoa precisa descansar no final de semana para poder dar atenção à família, aos amigos e a si próprio, sem pensar ou falar em informática, impostos, formulários, consertos e demonstrações, manutenção, vírus e etc.;

4) O CARA DA INFORMÁTICA, como qualquer cidadão, precisa de dinheiro. Por essa você não esperava, né? É surpreendente, mas o CARA DA INFORMÁTICA também paga impostos, compra comida, precisa de combustível, roupas e sapatos e ainda consome Lexotan para conseguir relaxar. Não peça aquilo pelo que não pode pagar ao CARA DA INFORMÁTICA;

5) Ler, estudar também é trabalho. E trabalho sério. Pode parar de rir. Não é piada. Quando um CARA DA INFORMÁTICA está concentrado num livro ou publicação especializada ele está se aprimorando como profissional, logo trabalhando;

6) De uma vez por todas, vale reforçar: O CARA DA INFORMÁTICA não é vidente, não joga tarô e nem tem bola de cristal, se achou isto demita-o e contrate um PARANORMAL OU DETETIVE. Ele precisa planejar, se organizar e assim ter condições de fazer um bom trabalho, seja de que tamanho for. Prazos saão essenciais e não um luxo. Se você quer um milagre, ore bastante, faça jejum, e deixe o pobre do CARA DA INFORMÁTICA em paz;

7) Em reuniões de amigos ou festas de família, o CARA DA INFORMÁTICA deixa de ser o CARA DA INFORMÁTICA e reassume seu posto de amigo ou parente, exatamente como era antes dele ingressar nesta profissão. Não peça conselhos, dicas. ele tem direito de se divertir; Não existe apenas um ‘levantamentozinho’ , uma ‘pesquisazinha’ , nem um ‘resuminho’, um ‘programinha pra controlar minha loja’, um ‘probleminha que a maquina não liga’, um ’sisteminha’ , uma ‘passadinha rápida (ALIÁS CONTA-SE DE ONDE SAÍMOS E ATÉ CHEGARMOS)’, pois esqueça os ‘inha e os inho (programinha, sisteminha, olhadinha, )’ pois, CARAS DA INFORMÁTICA não resolvem este tipo de problema. Levantamentos, pesquisas e resumos são frutos de análises cuidadosas e requerem atenção, dedicação. Esses tópicos podem parecer inconcebíveis à uma boa parte da população, mas servem para tornar a vida do CARA DA INFORMÁTICA mais suportável;

9) Quanto ao uso do celular: celular é ferramenta de trabalho. Por favor, ligue, apenas, quando necessário. Fora do horário de expediente, mesmo que ainda duvide, o CARA DA INFORMÁTICA pode estar fazendo algumas coisas que você nem pensou que ele fazia, como dormir ou namorar, por exemplo;

10) Pedir a mesma coisa ao mesmo tempo não faz o CARA DA INFORMÁTICA trabalhar mais rápido. Solicite, depois aguarde o prazo dado pelo CARA DA INFORMÁTICA;

11) Quando o horário de trabalho do período da manhã vai até 12h, não significa que você pode ligar as 11:58 horas. Se você pretendia cometer essa gafe, ligue após o horário do almoço (relembre o item 2). O mesmo vale para a parte da tarde: ligue no dia seguinte;

12) Quando o CARA DA INFORMÁTICA estiver apresentando um projeto, por favor, evite as perguntas que não tenham relação com o projeto. Isso tira a concentração, alem de torrar a paciência.

13) O CARA DA INFORMÁTICA não inventa problemas, não muda versão de WINDOWS, não tem relação com vírus, NÃO É CULPADO PELO MAL USO DE EQUIPAMENTOS, INTERNET E AFINS. Não reclame! O CARA DA INFORMÁTICA com certeza fez o possível para você pagar menos. Se quer EMENDAR, EMENDE, mas antes demita o CARA DA INFORMÁTICA e contrate um CARA DE POG;

14) Os CARAS DA INFORMÁTICA não são os criadores dos ditados ‘o barato sai caro’ e ‘quem paga mal paga em dobro’. Mas estão todos de acordo com eles;

15) Não pergunte para O CARA DA INFORMÁTICA uma sugestão de computador BOM e BARATO para você comprar. Não existe computador BOM e BARATO. Ou é uma coisa, ou é outra;

16) E, finalmente, o CARA DA INFORMÁTICA também é filho de DEUS e não filho disso que você pensou.

Agora, depois de aprender sobre O CARA DA INFORMÁTICA, repasse aos seus amigos, afinal, essas verdades precisam chegar à todos. O CARA DA INFORMÁTICA agradece.

Apócrifo: O Livro de Mozilla, Nova Edição

Uma nova mensagem apócrifa do Livro de Mozilla foi publicada no Firefox 3 (Digite about:mozilla na barra de endereços do seu navegador!):

Mamon adormeceu.
E o renascimento da criatura disseminou-se pela terra e seus seguidores tornaram-se exércitos.
E eles apregoaram a mensagem e sacrificaram lavouras com fogo, com a astúcia das raposas.
E eles criaram um novo mundo à sua imagem e semelhança conforme prometido pelo
texto sagrado e
contaram da criatura para suas crianças.
Mamon despertou e, veja só, nada mais era do que um discípulo.

de O Livro de Mozilla, 11:9
(10ª edição)

Lembrando, aos que não pegaram a idéia:

  • Mamon: deus do dinheiro e avareza. Referência à Microsoft.
  • Criatura: Referência a “profecia” do primeiro texto, veja o link abaixo.
  • Raposas: FireFox;
  • Texto Sagrado: Manifesto Mozilla;

Pra quem não viu a “primeira profecia”, aqui está o o texto!

Etiquetado ,

Isso sim que é busca por imagens!

Conheci esses tempos um novo produto que, na minha opinião, tem tudo pra ser um daqueles produtos “não consigo imaginar como era a internet antes disso” (tipo hoje é o Google, YouTube, e para muitos, o Orkut ;D).

Trata-se de um sistema de busca de imagens. Mas calma aí, não é um sistema como o do Google, que você digita palavras chave e ele tenta te fornecer uma imagem que tenha a ver com aquilo. É muito mais interessante que isso. Neste sistema, quando você quer procurar uma imagem, você fornece uma… imagem! Mas calma aí, pois também não é um daqueles sistemas que extrai meta dados das imagens, ou usa um sistema de tags para obter imagens associadas. É muito mais interessante que isso!

Trata-se do site TinEye.com. Ele ainda está em modo beta privado, mas me cadastrei lá como interessado, e em poucos dias fui convidado a participar dos testes. Se não queres se cadastrar e esperar, o vídeo, disponível no site, mostra o que o produto faz. E não mente, funciona mesmo! 😀

Eles construíram algum algoritmo capaz de buscar imagens na web, gerar “impressões digitais” dessas imagens em um banco de dados, e fazer buscas de imagens semelhantes em um tempo muito rápido (o banco tem 487 milhões de imagens atualmente, e a busca leva pouco mais de um segundo). Sim, eu disse imagens semelhantes! É que você informa uma imagem (do seu computador, ou um endereço na web) e ele vai buscar no seu banco de dados todas as imagens iguais ou com pequenas modificações da mesma que ele conhece. E quando digo pequenas, nem são tão pequenas assim, como o vídeo demonstra muito bem. Ele é capaz de encontrar imagens redimensionadas, recortadas, com mudanças de cores, com recortes, com adições de outras imagens (manja aquele Tux (pinguim do Linux) que sofreu as mais variadas modificações, desde camisa da seleção brasileira até chapéu viking? Poisé, o sistema encontra 366 ocorrências de imagens semelhantes)… Resumindo: é fantástico!

É útil? Já foi pra mim. Hoje o banco de dados deles é relativamente pequeno (se comparar com o que existe na internet… mas 487 milhões já da pra brincar) e a indexação de novas imagens não acontece a algum tempo, mas imagine isso num nível de indexação “a la google“: Você publica uma imagem sua, seu trabalho, até com Creative Commons é claro. Aí alguém copia. Uma semana depois você faz uma busca por sua imagem, e pega em “flagrante” todos que a publicaram sem te conceder os devidos créditos ;)…. E vai funcionar mesmo que a pessoa tenha colocado um texto em cima, apagado algum detalhe, e por aí vai!

O uso que eu fiz foi outro. Achei uma imagem muito interessante, que queria usar, mas só encontrei um snapshot minúsculo dela. Joguei no TinEye, e ele me indicou, entre outras edições daquela mesma imagem, uma de tamanho 700×1024. Mais do que suficiente pro meu objetivo.

E por aí vai. As possibilidades são muitas. Eu achei um produto impressionante, com um potencial enorme, e eu usei apenas 1% do potencial dele, afinal achar imagens redimensionadas é a parte mais simples de tudo que ele pode fazer.

Etiquetado , , , , ,

LabSEC Computer Notes

Estamos migrando o antigo site de “Anotações do LabSEC” para o Google Sites. Muito mais organizado, e agora em Inglês (pra treinar o inglês, e de quebra permitir o acesso pra mais gente do resto do mundo), traz diversas dicas nos mais diversos tópicos de informática, por exemplo: Criptografia, Certificação Digital, Assinatura Digital, Segurança, Latex, Formatação ABNT, Programação, etc. Confira aqui!

We are migrating  the old “LabSEC notes” site to the Google Sites platform. It’ll be much more organized, and now it is written in English (so we can improve our english, and also let our notes help much more people). It will have a lot of information on many informatic topics, eg.: Criptography, Digital Certification, Digital Signature, Security, Latex, ABNT, Programming, etc. Check it out!

Etiquetado , , , , , ,

Frio? Onde?

Temperatura 16/06

Etiquetado , , ,

Tecnologia totalmente nacional gera novas chaves para a ICP-Brasil

Instituto Nacional de Tecnologia da Informação coordena amanhã (05/06) a geração do novo par de chaves da Autoridade Certificadora Raiz – AC Raiz. Isso será feito utilizando a plataforma João de Barro, projeto liderado pelo Instituto, com a participação de vários parceiros, como a Finep, a Universidade Federal de Santa Catarina, entre outros. Ao longo dos últimos dois anos, essas entidades desenvolveram um módulo de segurança com tecnologia nacional e em software aberto, permitindo sua completa auditagem. Segundo o diretor de Infra-estrutura de Chaves Públicas, Maurício Coelho, “esse é um marco muito importante para a ICP-Brasil, é a conquista da sua autonomia plena em termos de plataforma criptográfica, não dependemos mais de fornecedores”.

Neste momento, será usada uma primeira versão do programa. No entanto, Coelho salienta que será dado continuidade para evolução da plataforma de modo a acompanhar o desenvolvimento tecnológico da solução e de novas funcionalidades para aprimorar o funcionamento da AC Raiz.

Na última quarta-feira (28/05), o Comitê Gestor da ICP-Brasil autorizou o Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI) a gerar o novo par de chaves da ICP-Brasil e, assim, emitir o novo certificado da Autoridade Certificadora Raiz. O Comitê aprovou, também, a versão atualizada da Declaração de Práticas de Certificação (DPC) que estabelece os procedimentos que a própria AC Raiz deve adotar.

Plataforma estável e operacional

O primeiro certificado da AC Raiz foi emitido em novembro de 2001 com vigência até 2011. Maurício Coelho explica que a geração do novo par de chaves é uma rotina operacional e obrigatória, já que a validade do certificado não pode ultrapassar a validade dos certificados da cadeia que o antecede. Por isso, é necessário gerar novas chaves da AC Raiz de forma a possibilitar que os certificados continuem a ter a usual validade de três anos. ¨Estamos apenas dando continuidade a uma plataforma estável e operacional, que atualmente dá segurança a aplicações do setor público e privado¨, afirmou Coelho

No processo de emissão do novo certificado, será feita a geração do par de chaves da ICP-Brasil – uma pública e a outra privada -, a emissão do novo certificado e da lista de certificados revogados. “É um procedimento padrão. Na medida em que as próprias ACs demandem os novos certificados, eles serão emitidos a partir do novo certificado da AC Raiz, para depois emitirem certificados das suas ACs subseqüentes. Assim, até o dia 30 de novembro desse ano, toda a cadeia de certificação ICP-Brasil estará renovada”, acrescentou Coelho.

Acordo de Cooperação e CertForum

No próximo dia 12 de junho (quinta-feira), ocorrerá solenidade no Palácio do Planalto para pontuar e esclarecer sobre a geração do novo par de chaves da ICP-Brasil. Durante o evento, será assinado acordo de cooperação técnica com a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) para consolidar a parceria de evolução tecnológica da ICP-Brasil. Nesta oportunidade, também, acontecerá o lançamento oficial do 6° CertForum, evento que ocorrerá dias 4, 5 e 6 de novembro, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília.

Fonte: http://www.iti.gov.br/twiki/bin/view/Noticias/NoticiaDestaque1

Etiquetado , , ,